Trilha do Bananal
18 APR

Trilha do Bananal

Leve - Nível 2 Robson Fernando Duda @trilhasemsc Última atualização em 19/04/2022

Existem obras que além da sua importância para resolver determinados problemas, também acabam se tornando importantes pontos turísticos. É o caso da Ponte Anita Garibaldi, localizada no município de Laguna. Inaugurada em 2015, além de resolver um grande problema do trânsito da região ainda se tornou um dos cartões postais da cidade. Mas sabia que é possível ver toda a beleza dela de um mirante natural?

Para fazer a trilha é preciso se dirigir ao bairro de Bananal, que fica logo após o final da ponte, para quem está indo no sentido sul do estado. O acesso fica dentro de uma propriedade privada e é cobrada uma taxa para visitação e camping. Em nosso visita, realizada em abril de 2022, os valores eram os seguintes:

30,00 camping duas pessoas;

30,00 automóvel com duas pessoas;

25,00 moto com duas pessoas;

10,00 bicicleta por pessoa;

10,00 pedestre;

Os valores ficam registrados na entrada do portão, que é controlado pelo dono da propriedade.

Portão Entrada - Trilha do Bananal

Após pagar a taxa de acesso e garantir a passagem, existe a possibilidade de subir de carro ou a pé. Para subir de carro, não é recomendado carros baixos, pois a situação da estrada não é das melhores. Em dias secos, até se torna mais fácil, mas com chuva e barro, penso que somente veículos 4x4 são capazes de vencer as subidas e curvas da estarada de chão. Pelo que notamos, aos poucos a terra está sendo substitpuida por estruturas de paver, então logo haverá melhorias.

Como estávamos com carro pequeno e nosso intuito era caminhar, resolvemos percorrer a distância de maiso ou menos 1800 metros caminhando, carregando nossa mochila de camping nas costas. Durante o caminho, que segue sempre por uma estrada bem aberta e demarcada, pudemos avaliar a situação da estarada de chão, que realmente não era das melhores.

Estrada de acesso - Trilha do Bananal

O caminho possui curvas, subidas, descidas e muitos buracos na via. Carros grandes vencem facilmente os desafios do trajeto. Já os pequenos precisam de mais calma e cuidado. Para caminhar é tranquilo, pois o trajeto não apresenta grandes desafios, além das subidas que podem ser vencidas com calma e cuidado.

Condições Estrada - Trilha do Bananal

No caminho para o mirante é possível ter uma vista parcial da ponte e da região, que cria uma boa expectativa em relação ao mirante e sua vista panorâmica.

Vista Parcial - Trilha do Bananal

Quase no final do trajeto, existe um pequeno riacho que corta a estrada. Bom para lavar as botas e molhar o rosto, mas como no terreno existe a criação de gado, não recomendamos a ingestão, pois pode estar contaminada. Além deste riacho, não identificamos outros pontos com água para hidratação.

Riacho - Trilha do Bananal

O caminho que seguimos é uma estrada que vai até a parte mais alta da propriedade. Mas em uma das últimas curvas é possível sair da estrada principal e pegar um atalho para o primeiro mirante. O atalho sai do caminho principal e segue por entre as árvores. A frequencia de visitas ao local indica uma pequena marcação de trilha pela grama, mostrando que estamos no caminho certo.

Atalho - Trilha do Bananal

Seguindo em frente e margeando a cerca que delimita a propriedade, começamos a ter as primeiras visões da ponte, sendo que quanto mais subimos, mais panorâmica é a vista e, consequentemente, mais bonita.

Vista Mirante - Trilha do Bananal

Após chegar no primeiro mirante, é possível avistar umas das maiores áreas de camping disponíveis na propriedade. É um local onde á comum os carros estacionarem e armarem acampamento ali, pois é possível manter o carro e a barraca em um lugar plano. Esse ponto de camping é mostrado abaixo.

Área Camping - Trilha do Bananal

Porém o ideal é explorar melhor os espaços e avaliar o tamanho do grupo e o espaço necessário para as barracas, pois em nossa visita, sendo somente uma barraca, acampamos na parte superior da propriedade, onde a vista era ainda mais panorâmica e bonita. Claro que lá não caberia um grande grupo com muitas barracas.

 

 

 

 

 

Grau de dificuldade

Grau de dificuldade da trilha Leve

Leve - Nível 2

Saiba mais sobre o grau de dificuldade

Powered by Wikiloc